Dias de jogos da seleção brasileira não serão considerados feriados. As empresas podem estabelecer horários diferenciados ou liberar os empregados mediante acordo de compensação de jornada. Mas fiquem atentos as regras:

Compensação de horas:

Com base na Convenção Coletiva da Categoria, cláusula de Banco de Horas (25ª), as empresas e empregados podem realizar acordos individuais e compensar os dias ou as horas dos jogos. As empresas também poderão fornecer local adequado para que os funcionários assistam aos jogos na própria sede, sem que isso seja considerado tempo à disposição do empregador, caso acordada a compensação (art. 4º, §2º, “III”, CLT).

Essa negociação entre patrão e empregado não precisa ser realizada com a participação do Sindicato. O empregado pode fazer esse tipo de acordo com a empresa para compensar o período em outras datas, cumprindo o número de horas em que esteve sem trabalhar.

O ideal é que a compensação aconteça no prazo máximo de 30 (trinta) dias para as empresas que praticam Banco de Horas e, para aquelas que não adotam o regime, que seja compensada no mesmo mês (art. 59, §6º, CLT).

Horários diferenciados:

O que usualmente é adotado nas empresas é a estipulação de um horário de trabalho diferenciado em dias de jogo. Ou seja: é possível que seja estabelecido um horário de trabalho diferente, desde que por acordo entre empresa e empregados. Isso pode ser feito com o início da jornada de trabalho um pouco mais tarde; com a interrupção da jornada de trabalho apenas no período do jogo; ou encerrando as atividades antes mesmo do horário da partida.

Advertência e demissão:

Caso a empresa e seus funcionários não entrem em acordo, o dia de jogo do Brasil na Copa será considerado um dia normal de trabalho. Quando não for estabelecido o regime de compensação de jornada, e o empregado se recursar a trabalhar e faltar injustificadamente, essa ausência poderá ser descontada do salário.
Casos de insubordinação e descumprimento de regras podem gerar advertências e punições disciplinares, a depender da gravidade.

É recomendado, portanto, ficar atento às regras laborais e, se a empresa e empregados desejarem, realizar o acordo para a compensação de jornada.

Calendário de jogos do Brasil (horário de Brasília)

Primeira fase

Jogo 1 - Brasil x Suíça
Domingo: 17 de junho, às 15h

Jogo 2 - Brasil x Costa Rica
Sexta-feira: 22 de junho, às 9h

Jogo 3 – Brasil x Sérvia
Quarta-feira: 27 de junho, às 15h

 

Fonte: https://g1.globo.com/economia/concursos-e-emprego/noticia/copa-do-mundo-assistir-aos-jogos-do-brasil-no-trabalho-depende-de-acordo-com-patrao.ghtml

Validado pelo nosso setor Jurídico.